31 de maio de 2011

Era uma vez...



Era uma vez uma ilha onde moravam todos os sentimentos. Entre eles a Tristeza, a Alegria, a Sabedoria e o Amor. Mas um dia, foram avisados de que a ilha iria afundar. Todos os sentimentos se apressaram, pegaram seus barcos e partiram. Só o Amor ficou, pois queria se despedir da ilha antes que ela afundasse. Quando por fim estava se afogando o Amor começou a pedir ajuda. 
Nesse momento, estava passando a Riqueza num lindo barco, e o Amor disse:
- Riqueza, leva-me com você ?
- Não posso. Há muito ouro e prata no meu barco, e não há lugar prá você.
Então, pediu ajuda à Vaidade que vinha passando.
- Vaidade, por favor, me ajude...
- Não posso ajudar, Amor. Você está todo molhado e poderia estragar o meu barco.
Veio passando a Tristeza, e o amor pediu ajuda.
- Tristeza, deixa-me ir com você ?
- Ah, Amor !  Estou tão triste que prefiro ir sozinha...
Também passou a Alegria, mas ela nem viu o Amor chamar...
- Venha Amor, eu levo você, gritou um velhinho.
O Amor logo quis saber quem o salvava, e perguntou à Sabedoria.
- O Tempo, respondeu ela.
- O Tempo ?  Mas porque o Tempo ?
- Porque somente o Tempo é capaz de entender um grande amor !

30 de maio de 2011

Em busca da felicidade


Em busca da felicidade
Um homem não conseguia encontrar  a felicidade em lugar nenhum. Um dia ele resolveu sair pelo mundo 
à procura da felicidade. Fechou a porta da sua casa e  partiu com a disposição de percorrer todos os caminhos da terra até encontrar  o lugar de ser feliz. Aonde chegava reunia um grupo a quem explicava os planos que tinha para ser feliz. Afirmava que seus seguidores seriam felizes na posse de regiões gigantescas, 
onde haveria montes de ouro. Mas o povo lamentava e ninguém o seguia. No dia seguinte novamente partia.
Assim, foi percorrendo cidades e cidades, de país em país, anos a fio. Mas um dia percebeu que estava 
ficando velho sem ter encontrado a felicidade. Seus cabelos tingiam-se de branco, suas mãos estavam enrugadas, suas roupas esfarrapadas, as calçados aos pedaços. Além disso, estava cansado de procurar a felicidade, tão inutilmente. Enfim, depois de muito andar, parou em frente de uma casa antiga. As janelas de vidro estavam quebradas, o mato cobria o canteiro do jardim, a poeira invadia quartos e salas. Ele olhou e pensou que ali, naquela casa desprezada e sem dono, ele construiria a sua felicidade: arrumaria o telhado, colocaria vidro nas janelas, pintaria as paredes, cuidaria do jardim. "Vou ser feliz aqui" disse ele.E o homem cansado foi andando até chegar a porta. Quando entrou, ficou imóvel, perplexo! Aquela era a sua própria casa, que ele abandonou há tantos anos a procura da felicidade. Então ele compreendeu que de nada tinha 
adiantado dar a volta ao mundo, pois a felicidade estava dentro da própria casa e ele não tinha percebido.



29 de maio de 2011

Cuidar de nós


CUIDAR DE NÓS


"Quantas coisas pensamos mas não dizemos
Quantas oportunidades na vida vimos passar
Por medo de Falar
Quantos amores perdemos
Por medo de amar
Quantas chances desperdiçamos
Por medo de conquistar
Porque temos tanto medo em falar?
Pensamos e aprisionamos as palavras
Porque não expressamos?
Porque sobrecarregar o coração?
Se você ama
Diga EU TE AMO
Se você errou
Diga EU ERREI
O momento é agora
Faça uma limpeza na sua alma
Exponha suas mágoas
Expresse seu amor
E sinta a sua alma leve
Se quiser GRITE!!!
Mas não guarde pensamentos
Não esconda sentimentos
Fale o que você pensa
Esqueça o que os outros vão pensar"
( Sem autoria )

28 de maio de 2011

Chutando o pau da barraca


CHUTANDO O PAU DA BARRACA


Sinta em seu coração.
Siga a essência de sua alma.
Ouça a sua intuição.
Milagres acontecem todos os dias, basta acreditar.
A felicidade é um estado de espírito... não depende de outras pessoas.
Deixe o sol brilhar dentro de você.
Fundamental é ser sincero com o nosso eu interior.
Não renuncie à vida para agradar aos outros.
Se você se violentar, no começo vem um desconforto,
logo uma dor, daí a pouco, doenças...
Você, frente a frente com o espelho: a máscara cai, tudo fica muito claro e as coisas começam a fluir.
Estar aberto às mudanças, encarar a vida de frente, aproveitar as oportunidades que aparecem no seu caminho, é estar sintonizado com Deus!
Este Deus maravilhoso que habita em você, materializa suas intenções e faz acontecer...
Tudo aquilo que você joga sua energia, sua concentração, concretiza-se!
As sincronicidades (nada é por acaso): 
encontrar as pessoas que vão fazer parte desta caminhada, no lugar certo, na hora exata e no momento apropriado. 
E seu coração fica leve e feliz. 
Você entra nesta vibração e o Universo conspira a seu favor. 
Sua vida se enche de luz, o amor incondicional invade sua alma 
e você percebe a beleza nas pequenas coisas...


"Vegetar", "ir levando para ver se melhora",
 "quem sabe um dia talvez"... 
esqueça tudo isso, faça acontecer!


Daqui a pouco já se passaram trinta anos e nada...
A juventude se foi, muita energia foi desperdiçada, gerando arrependimento sem fim...
Não deixe os outros controlarem você: 
uma pessoa especial, única, com um caminho só seu...
Você é fruto de seus pensamentos, palavras e atitudes.
Você é o personagem principal da sua história. 
Curta a vida!
Não dê desculpas. 
Não jogue a responsabilidade de suas decisões nas costas de outra pessoa.
Acredite que você pode tudo. 
Não existem culpas e nem cobranças.
O passado são só recordações, não volta mais.
Viva no momento presente.
O futuro, você cria a partir do que realizar agora.
Caso você não consiga tomar uma atitude e 
"chutar o pau da barraca", 
peça ajuda ao "Todo Poderoso Nosso Amigo" e fale:
"Eu não estou conseguindo resolver este problema, por isso peço a sua ajuda. Confio plenamente em Você!"
Faça sem impor condições, sem chantagens, delegue mesmo e esqueça, sem ansiedade nem estresse.
A solução vem espontaneamente e rápida.
Sempre pense positivo, leia livros inspirados,
caminhe junto à natureza (florestas, cachoeiras, mar, sol, ar puro, parques). 
Assista filmes com conteúdo. 
Pratique o que você leu. 
Ajude outras pessoas. 
Valorize seus amigos. 
Demonstre gratidão. 
Durma com bons pensamentos. 
Sua alma vai agradecer...
A beleza de sua vida depende de você.
Por isso... faça tudo para ser feliz!
Tudo para você e por você!
Lembre-se: - O impossível Ele já fez por nós.
(Mon Liu)
Recebi este texto de Mário Campello
Que este seja um final de semana muito especial.

24 de maio de 2011

Crescimento interior



Crescimento interior
Nem todas as pessoas se dão conta que o nosso crescimento interior é tão ou talvez até mais importante quanto o nosso crescimento físico. O crescimento físico você vê. Mas o crescimento interior esse você sente no decorrer de tua vida nesta terra. Quanto mais você cresce melhor você se sente e se torna um ser melhor, porque crescer resulta na conscientização cada vez melhor do valor de nosso mundo interior. É o sentimento que nos indica se nossa vida vai bem ou não.
Tu imaginas, a escala do crescimento interior como uma escada de muitos degraus. Cada degrau acima representa um tipo de evolução tanto espiritual quanto material e no topo da escada você encontra a emoção mais apreciada por nós, conhecida com o nome de AMOR.
Sabes sentindo amor, você se abre para a vida, para o mundo, utiliza todo o seu potencial, sente uma grande harmonia interior, o que tem reflexos positivos sobre o seu trabalho, tua saúde e principalmente tua vida amorosa. Este sentimento positivo não é algo que aparece e desaparece. Como somos seres vivos e não máquinas, é evidente que muitas vezes nosso humor sofre algumas oscilações, porém o sentimento de bem-estar, harmonia, que pode ser compreendido como a nossa conscientização da descoberta de nossa riqueza interior, que permanece. 
No topo da escada você é emocionalmente crescido e amadurecido e sente vontade de realizar algo em agradecimento. Quem chegou ao topo da escada da vida compreendeu sua ligação ao infinito e agradece sempre. A nossa capacidade de compreensão é a chave para o nosso bem-estar interior e é ela que nos abre o mundo a vida. Compreender o mundo em sua totalidade nos faz sentir-se em casa. Uma coisa da qual você deve conscientizar-se, é que quanto mais degraus você sobe, mais recua o sentimento que mantém presos os que estão nos degraus de baixo, que se chama MEDO. 
À medida que o medo recua ou diminui, a confiança em si aumenta e tende a se desenvolver. E apesar de todos habitarmos o mesmo planeta, os nossos mundos se diferem, pois o nosso mundo é criado dentro de nosso consciente, a verdade é que somos o resultado do que sentimos e compreendemos, e a  nossa reação é a nossa resposta.Que tenhas a certeza do sucesso neste Crescimento.
( autor desconhecido )

23 de maio de 2011

Acredite!



Acredite...
Não importa o que é o mundo...
O importante são seus sonhos!
Não importa o que você é...
O importante é o que você quer ser.
Não importa aonde você está...
Importa para aonde você quer ir.
Não importa o porquê...
O que importa é o querer.
Não importa suas mágoas...
O que importa são suas alegrias.
Não importa o que já passou...
O passado?
Guarde na sua lembrança.
Nunca pense em julgar.
Não veja, apenas olhe.
Não escute, apenas ouça.
Não toque, apenas sinta.
Acredite naquilo que você quiser.
E não adianta você sonhar...
Se você não lutar.
O mundo é um espelho.
Não seja só o seu reflexo.
Só acreditando em um futuro.
Você conseguirá a Paz
Para alcançar seus sonhos.
Afinal o que importa?
Você importa!
Acredite em Você!
Eu acredito...
E Você?
( autor desconhecido )


22 de maio de 2011

Coragem!


Coragem
Olá ! Um dia repleto de alegria! 
Sim, desejo-lhe a verdadeira alegria, que não se encontra no espaço exterior ou nas "coisas",  nas quais muitos depositam suas seguranças, mas no mais profundo interior do nosso ser.


Falsas alegrias são essas que não brotam de uma experiência de harmonia, de paz interior, de todo o nosso ser. Hoje, mais um percurso da nossa existência que há de ser percorrido. 


Nele, podemos encontrar muitas "pedras de tropeço", muitos "espinhos" que tentarão sufocar nossas esperanças.
Talvez tenhamos que nos  deparar com uma encruzilhada que nos lançará numa tremenda incerteza em relação ao fim ao qual queremos chegar. 


Acredito que seja esse  o obstáculo mais difícil do caminho: Não saber para onde ir? Quer um conselho? Quer mesmo chegar a algum lugar?
Se na tua peregrinação te deparares com tal situação, não tenha medo de arriscar. Mesmo que o caminho seja difícil, longo, com muitas montanhas para serem escaladas é preciso percorrê-lo.


Lembre-se: O melhor caminho nem sempre é o mais fácil. Só você pode trilhar, ninguém pode ser seu substituto. Sozinho ou acompanhado, dê o primeiro passo. Conduza com você uma "bagagem leve", pois as "muitas coisas" que carregas poderá  impedir você de atravessar os "rios" ou até mesmo ser causa de seu "afogamento".


Carregue com você apenas o essencial, deixe para trás tudo o que é supérfluo, pois assim, você se sentirá muito mais livre.
Se em algum momento desse teu percurso sentir cansaço, desânimo, se a "fome e a sede" te abaterem, não desista. Olhe ao seu redor, pode haver uma alternativa. Quem sabe naquele deserto não encontrarás uma fonte de água que lhe restituirá tuas forças. 


Quem sabe não passará um "viajante" que lhe ajudará. Vocês poderão se tornar até bons amigos. Bem, se não passar esse viajante, nem tão pouco encontrares água no deserto, mesmo assim, não se sinta um fracassado, um perdedor. 


Coragem! Levanta-te! Tente caminhar mais um pouco.  Ergue teus olhos para os céus, faz ecoar teu grito de angústia, pois é de lá que virá o teu socorro, tua proteção, o teu guia. Acima de tuas forças existe um Deus, que te ama sem levar em conta tuas fraquezas,que te acolhe do jeito que você é, que te ampara  no teu leito de dor, que acredita em suas potencialidades. Com Ele tu serás mais do que vencedor. Boa sorte! Grande abraço!
( Autor desconhecido, infelizmente ) 





21 de maio de 2011

A um passo da Felicidade



A um passo da Felicidade 


Nossa vida é moldada por nossas ações e criações mentais.
Nossos pensamentos surgem, agitam-se, tomam forma e atuam decisivamente nas realizações. Jamais teremos boa saúde se pensarmos em doenças, nem prosperidade se reclamarmos de miséria e tão pouco a  alegria se mentalizarmos tristeza. Por quê uns são felizes e outros não? Por quê uns vêem o mundo iluminado e outros o enxergam obscurecido?  
Simplesmente porque há os que acordam fazendo preces e os que despertam maldizendo a existência; os que formulam idéias construtivas e os que se fixam nas destrutivas; os que pensam em salvar vidas e os que as desejam destruir.
E assim, cada um vai criando o seu campo vibratório, no qual se movimentará, respirando as emanações próprias do ambiente formado. Sinta-se contente por acordar com vida e olhe mais para a luz do que para as trevas; observe atenciosamente as belezas que o rodeia-me procure sufocar mágoas, rancores e revolta,que lhe tornam a existência horrível e insuportável.
Deus nos criou para sermos felizes.Cada instante deve ser vivido plena e intensamente com amor, fé e com esperança. Sorria sempre.
O sorriso abre as portas da alegria e essa nos coloca em ondas positivas e,como as flores que atraem abelhas,atrairemos os bons acontecimentos,as boas amizades e a paz, com a qual tanto sonhamos. 
Pensemos em amor e seremos amados; proponhamos-nos a nos desculpar e seremos desculpados;disponibilizemos - nos à compreensão e seremos compreendidos.
Não digamos nada que não gostaríamos de ouvir,nem façamos aos outros o que não gostaríamos que os outros nos fizesse-me sentiremos um novo mundo de grandezas a orbitar dentro de nós 
Ás vezes estamos a um passo da felicidade e não nos damos conta de quanto perto ela está.Talvez esteja faltando apenas um pequeno movimento para chegarmos à ela:um movimento em forma de perdão à alguém que tenha nos ofendido,um gesto de amor a uma pessoa que está desiludida, uma palavra de esperança ao desesperançado, algo que nos faça ser útil, com certeza neste pequenos gestos, nos sentiremos automaticamente fortalecidos e certamente seremos recompensados. 
Vamos tentar, vale a pena sermos felizes?
( autor desconhecido )





20 de maio de 2011

Experimente outra vez



Experimente outra vez
Quando as coisas estão erradas,
não penses que todos os teus
esforços foram em vão.
Talvez tudo foi para o melhor,
por isso, sorria...
e experimente outra vez.
Pode ser que o seu aparente fracasso
venha a ser a porta mágica
que o conduzirá para
uma nova felicidade.
Você pode estar enfraquecido pela luta,
mas não se considere vencido,
isto não quer dizer derrota.
Não vale a pena gastar o precioso
tempo em lágrimas e lamentos.
Levante-se.
E enfrente a vida outra vez,
e se você guardar em mente
o alto objetivo de tuas aspirações,
os teus sonhos se realizarão.
Tire proveito de teus erros.
Colha experiências de tuas dores e,
então um dia tu dirá:
Graças a Deus
Eu ousei experimentar outra vez
( Desconheço o autor )

18 de maio de 2011

Entusiasmo


Entusiasmo


Somos pássaros voadores. Porém, se as asas do ânimo e entusiasmo estão quebradas ou não crescem não é possível voar. Veja os filhotes. Eles tentam voar mas não conseguem porque suas asas ainda são pequenas. Mas quando eles vêm os pais voando, eles ficam entusiasmados e voam. Sem entusiasmo não é possível voar alto. Aqueles que perdem o entusiasmo rapidamente envelhecem. 
Se você quer manter-se jovem, tenha sempre a atitude de aprender. No dia em que você pensa que não há mais nada a aprender, você fica velho.
Brahma Kumaris

16 de maio de 2011

Procure os seus caminhos...



Procure os seus caminhos...
mas não magoe ninguém
nessa procura.
Arrependa-se, volte atrás, peça perdão!
Não se acostume com o que
não o faz feliz...
Revolte-se quando julgar necessário!
Alague seu coração de esperanças,
mas não deixe que ele se afogue nelas.Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente!
Se estiver tudo certo, continue!Se sentir saudades, mate-a!
Se perder um amor, não se perca!
E se o achar...segure-o!
(Fernando Pessoa)

15 de maio de 2011

A Viagem da Vida

A Viagem da Vida
 Se não puder ser o maquinista, seja o passageiro mais divertido.
Procure um lugar próximo à janela; desfrute cada uma das paisagens 
que o tempo lhe oferecer, com prazer de quem realiza a primeira viagem.
Não se assuste com os abismos, nem com as curvas que não lhe deixam ver os caminhos que estão por vir. Procure curtir a viagem da vida observando cada arbusto, cada riacho, beirais de estrada e tons mutantes da paisagem.
Desdobre o mapa e planeje roteiros. Preste atenção em cada ponto de parada e fique atento ao apito da partida. E quando decidir descer na estação onde a esperança lhe acenou, não hesite.
Desembarque nela os seus sonhos. Que a viagem pela vida seja 
de primeira classe: em equilíbrio, em sabedoria, em  aprendizado e sobretudo em amor!
( Desconheço a Autoria do Texto )

O Granjeiro e o Sábio



O Granjeiro e o Sábio
Um granjeiro pediu certa vez a um sábio,  que o ajudasse a melhorar sua granja, que tinha baixo rendimento. 
O sábio escreveu algo em um pedaço de papel e colocou em uma caixa, que fechou e entregou ao granjeiro, dizendo:
- “Leva esta caixa por todos os lados da sua granja, três vezes ao dia, durante um ano.”
Assim fez o granjeiro. Pela manhã, ao ir ao campo segurando a caixa, encontrou um empregado dormindo, quando deveria estar trabalhando. Acordou-o e chamou sua atenção. Ao meio dia, quando foi ao estábulo, encontrou o gado sujo e os cavalos sem alimentar. E à noite, indo à cozinha com a caixa, deu-se conta de que o cozinheiro estava desperdiçando os gêneros.
A partir daí, todos os dias ao percorrer sua granja, de um lado para o outro, com com seu amuleto, encontrava coisas que deveriam ser corrigidas.
Ao final do ano, voltou a encontrar o sábio e lhe disse : 
“Deixa esta caixa comigo por mais um ano; minha granja melhorou o rendimento desde que estou com o amuleto.”
O sábio riu e, abrindo a caixa, disse :
- “Podes ter este amuleto pelo resto da sua vida.”
No papel havia escrito a seguinte frase : 
“Se queres que as coisas melhorem deves acompanhá-las constantemente”.

7 de maio de 2011

Retrato de Mãe

Retrato de Mãe

"Uma mulher existe que, pela imensidão de seu amor, tem um pouco de Deus, e muito de anjo pela incansável solicitude dos cuidados seus; uma mulher que, ainda jovem, tem a tranqüila sabedoria de uma anciã e, na velhice, o admirável vigor da juventude; se de pouca instrução, desvenda com intuição inexplicável os segredos da vida e, se muito instruída age com a simplicidade de menina; uma mulher que sendo pobre, tem como recompensa a felicidade dos que ama, e quando rica, todos os seus tesouros daria para não sofrer no coração a dor da ingratidão;sendo frágil, consegue reagir com a bravura de um leão; uma mulher que, enquanto viva, não lhe damos o devido valor, porque ao seu lado todas as dores são esquecidas;
entretanto quando morta, daríamos tudo o que somos e tudo o que temos para vê-la de novo ao menos por um só momento,  receber dela um só abraço, e ouvir de seus lábios uma só palavra. Dessa mulher não me exijas o nome, se não quiseres que turve de 
lágrimas esta lembrança, porque... já a vi passar em meu caminho.
Quando teus filhos já estiverem crescidos, lê para eles estas palavras.E, enquanto eles cobrem a tua face de beijos, conta-lhes que um humilde peregrino, em paga da hospedagem recebida,
deixou aqui para todos o esboço do retrato de sua própria mãe."
Tradução do original de D. Ramóm Angel Jara Bispo e Orador Chileno